BLOG DO ALEX MEDEIROS

18/05/2017
Pendenga separatista

Sete jovens poderão responder processo por espalharem bandeiras da Espanha nas ruas e prédios de Barcelona, cidade espanhola considerada capital da Catalunha, região que sonha com a independência diante do governo de Madrid.

Tamanha confusão por tão pouco só pode ser comparada, pelo menos no meu ponto de vista e de discórdia, ao episódio ridículo ocorrido há dois anos quando dois ou três vereadores de aldeia propuseram que eu fosse considerado persona non grata em sua cidade, só pelo fato de espinafrar duas dúzias de otários que lá vegetam.





18/05/2017
Morre o músico Chris Cornell

Segundo anunciou o empresário do artista, Brian Bumbery, o vocalista que liderou os grupos Soundgarden e Audioslave, morreu de forma repentina e inesperada, uma hora depois de um show no Fox Theatre, em Detroit. Ainda se desconhecem as causas.

À imprensa, Bumbery disse que a família do músico pediu privacidade e revelou que uma equipe médica já está trabalhando para esclarecer a morte súbita de Cornell, aos 52 anos.

Nascido em 20 de julho de 1964, em Seatlle, Chris Cornell foi um prolífico guitarrista e cantor americano que ganhou fama como vocalista das bandas Soundgardem, Audioslave e Temple of the Dog. A revista Hit Parade considerava uma das melhores vozes do heavy metal e do hard rock.

O grupo Soundgarden, onde ele foi líder, ganhou popularidade com a canção Black Hole Sun, do disco Superunknown, lançado em 1994, sendo considerado naquele momento um rival à altura da mítica banda Nirvana, de estilo grunge.

Em 2007, Cornell lançou em carreira solo o disco Carry, que incluía a canção You Know My Name, que já era conhecida no ano anterior por ter sido trilha sonora do filme Cassino Royale, estrelado pelo ator Daniel Craig na pele do agente James Bond (007).





18/05/2017
O temor de Janot

Uma nota emitida há pouco pelo procurador geral Rodrigo Janot pede aos seus pares que continuem acreditando nas instituições republicanas. Mais do que um recado de equilíbrio diante do caos, a nota também esconde nas entrelinhas um temor com a reação da sociedade contra a epidemia de corrupção em todos os poderes.

É fato que crescem a cada dia manifestações de apoio a uma intervenção militar no País, como aconteceu em 1964 quando uma crise política e moral bem menor do que a atual levou as lideranças das Forças Armadas a tomarem as rédeas da nação atirada na anarquia e posteriormente nos crimes de guerrilha e sequestros.

Há muito tempo as pesquisas de opinião dos diversos institutos brasileiros colocam as três forças militares como instituições de maior credibilidade e confiança. Até os bombeiros, que gozam da simpatia da população por arriscarem a própria vida pela coletividade, está atrás na preferência popular.

A nota de Janot carrega o temor dessa sintonia entre os quartéis e a sociedade.





18/05/2017
Brasil aos pedaços

A delação dos irmãos da JBS colocou o impeachment e a renúncia de Michel Temer na ordem do dia. Até os playboys do Movimento Brasil Livre (MBL) adotaram a postura de petistas e assemelhados e agora pedem o #ForaTemer nas redes sociais.

Diante do apodrecimento da República, um discurso único caiu nas bocas de parlamentares de posições extremamente distintas, como os senadores Lindbergh Farias (PT) e Ronaldo Caiado (DEM), que defendem agora o fim do governo Temer. É a hora do salve-se quem puder.

As revelações da JBS apontam um esquema equiparado ao da Odebrecht, um show de propinas para todos os partidos iniciado nos dois governos do PT. O ex-ministro Guido Mantega foi denunciado como o distribuidor oficial da grana. Pode ter sido por ele que o dinheiro da campanha de 2014 chegou nos estados.

O clima em Brasília é incoparável com qualquer outra conjuntura já vista no País. O envolvimento de Temer no cala-boca de Eduardo Cunha é mais grave do que a renúncia de Jânio Quadros em 1963.

A provável condenação de Lula nos próximos dias e a cassação de Aécio Neves são bem mais relevantes do que as reformas de base de Jango ao assumir o Planalto e que provocaram a intervenção militar.

A tímida recuperação da economia vai parar de imediato com o novo escândalo. A perspectiva de escapar via Congresso Nacional vai deixar Temer tão frágil que terá que cair no velho e clássico leilão parlamentar.

Desde ontem, a operação Lava Jato conseguiu, enfim, se tornar unanimidade. Petistas amanheceram sem o discurso de que Moro e os procuradores perseguem o chefe do PT. Até a TV Globo, inimiga número 1 das esquerdas, atingiu audiência com qualificação de isenta.

O Brasil ainda não acabou. Mas paralizou geral. E ninguém sabe que país se levantará após o lixo político ser jogado nas prisões e/ou ser atirado no limbo da imoralidade.





16/05/2017
Aos bisbilhoteiros

Atenção curiosos e candinhas que habitam dependências do Ministério Público fantasiados de palmatória da aldeia. Eu não sou servidor público e jamais serei. Não tenho a menor aptidão e o menor interesse para servir a sociedade. Eu produzo opinião e transmito notícias, e uso o prestígio do meu nome e do meu blog para vender espaço publicitário. Com a devida emissão de notas fiscais. Portanto, vão bisbilhotar a mãe de pantanha.





15/05/2017
Pós-graduação em gestão pública na escola da AL

Cerca de 70 alunos da Escola da Assembleia receberam o certificado da pós-graduação em Gestão Pública. A solenidade, realizada no auditório Cortez Pereira, na manhã desta segunda-feira (15), contou com a presença do presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), da secretária administrativa do Legislativo do RN, Dulcinea Brandão e do diretor da Escola da Assembleia, Carlos Russo.

"É uma alegria poder ver duas novas turmas concluindo, onde estão servidores com os quais convivo diariamente. Sei que é uma grande vitória pessoal e profissional, que muitos aqui ultrapassaram dificuldades para atingir este objetivo. O caminho é a capacitação e para mim é motivo de satisfação e honra estar aqui hoje", afirmou o presidente Ezequiel Ferreira.

O parlamentar citou a importância da Escola do Legislativo na qualificação dos servidores, que se reverte na melhoria dos serviços prestados à população. Em 2016 foi firmado um convênio com a Universidade de Lisboa, através do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, que vai possibilitar a quem se dispuser a custear as despesas próprias de manutenção no país, cursos gratuitos de mestrado e doutorado. Além deste, também foi firmado convênio com a Casa do Brasil, em Madri.

Esta é a quarta turma que conclui o curso de especialização em Gestão Pública e a primeira a receber o certificado pela Escola da Assembleia, que até 2016 era denominada Instituto do Legislativo Potiguar.

Além dos servidores da Casa, a turma concluinte também é formada por servidores de instituições parceiras, como o Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte (TCE/RN), Câmaras Municipais, Prefeituras, entre outras.





14/05/2017
Feliz Dia das Mães

OPOSTO DAS COISAS BREVES
AS MÃES NUNCA MORREM
      SÃO COMO ELVIS.
 





10/05/2017
Lula em Curitiba

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou em Curitiba, onde presta depoimento às 14 horas para o juiz federal Sérgio Moro, no âmbito da Operação Lava Jato. Lula chegou acompanhado da ex-presidente Dilma Rousseff e de parlamentares do PT.

O depoimento de Lula, que será realizado na sede da Justiça Federal em Curitiba, alterou a rotina na capital paranaense. Manifestantes favoráveis e contrários ao ex-presidente já estavam na cidade na terça-feira.

O grupo a favor de Lula está reunido em um grupo de 5 mil pessoas, de vários estados, no "acampamento pela democracia", na rodoferroviária. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, 20 ônibus com manifestantes já tinha chegado a Curitiba na terça, e mais 36 eram esperados.

A cidade preparou um esquema especial que teria como objetivo garantir a segurança de todos os que pretendem acompanhar o depoimento. Será a primeira vez que Lula ficará frente a frente com o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da operação na primeira instância.





10/05/2017
Lula em Curitiba

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou em Curitiba, onde presta depoimento às 14 horas para o juiz federal Sérgio Moro, no âmbito da Operação Lava Jato. Lula chegou acompanhado da ex-presidente Dilma Rousseff e de parlamentares do PT.

O depoimento de Lula, que será realizado na sede da Justiça Federal em Curitiba, alterou a rotina na capital paranaense. Manifestantes favoráveis e contrários ao ex-presidente já estavam na cidade na terça-feira.

O grupo a favor de Lula está reunido em um grupo de 5 mil pessoas, de vários estados, no "acampamento pela democracia", na rodoferroviária. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, 20 ônibus com manifestantes já tinha chegado a Curitiba na terça, e mais 36 eram esperados.

A cidade preparou um esquema especial que teria como objetivo garantir a segurança de todos os que pretendem acompanhar o depoimento. Será a primeira vez que Lula ficará frente a frente com o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da operação na primeira instância.





10/05/2017
Nélter quer mais policiamento no interior

A segurança pública no Rio Grande do Norte voltou a ser tema na Assembleia Legislativa. Nesta quarta-feira (10), durante sessão plenária, o deputado Nélter Queiroz (PMDB) fez pronunciamento lamentando os recentes assaltos registrados nas cidades de Equador e Jucurutu, destacando a necessidade de reforço do efetivo policial nos municípios.

"A prefeita de Equador se reuniu com vereadores e comerciantes locais para discutir a situação e também me ligou fazendo um apelo em favor da chegada de mais policiais na cidade", disse Nélter.

Na oportunidade, o deputado voltou a cobrar a realização de concurso público para a criação da Polícia Legislativa e, consequentemente, a devolução de todos os agentes da PM à disposição da Assembleia Legislativa.

"Já devolvemos uma grande parte e temos que devolver o restante. A Casa avançou em partes, mas precisa avançar ainda mais nesse quesito, promovendo concurso para a criação da Polícia Legislativa, que inclusive gera empregos para a população", defende Nélter.





1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71