BLOG DO ALEX MEDEIROS

17/09/2016
Reconexão com o mundo real

Hoje desativei minhas contas no Facebook e no WhatsApp. Estou procurando o botão de "sair" do Instagram e devo manter algum tempo a página do Twitter apenas como uma extensão deste blog. Lá no Twitter propagarei o conteúdo do que publico aqui.

Decidi me reconectar com a vida minha real, com o mundo do meu tempo. Chega de passar horas manuseando um celular, procurando coisas e ignorando as pessoas ao redor. Se for para buscar fatos, como me impõe a profissão, clicarei no Google Chromer e acessarei os sites de notícias, como fazia anos atrás.

Portanto, as conversas pessoais, as trocas de impressões do cotidiano, serão feitas da forma mais direta, num papo olho a olho ou num telefonema. O uso do e-mail será estritamente funcional, não será uma mesa digital para papear sobre o tudo e o nada. 

Espero retomar a conexão afetiva e direta com os amigos. Se bater saudade, basta ligar para que as vozes possam ser ouvidas. E para me sentir de verdade de volta ao ao meu tempo, arriscarei enviar bilhetes aos mais chegados ao coração.

As melhores coisas da vida não são coisas.
Saudade só dá no coração, e não nas redes sociais.





16/09/2016
Para sempre Beatles

Voltemos ao dia 9 de fevereiro de 1964, mais precisamente às oito horas e doze minutos da noite na Costa Leste dos EUA. Enquanto o Brasil perdia o genial Ary Barroso e a torcida do Flamengo chorava sua morte na vitória do time sobre o Nacional de Medellin, os americanos se plantavam diante da TV para assistir ao programa The Ed Sullivan Show.

Diante de uma audiência naquela noite de 63 milhões de telespectadores (então um recorde estabelecido na televisão americana), quatro garotos que tinham acabado de cruzar pela primeira vez o Atlântico surgiram no palco para enlouquecer a plateia do maior comunicador do país.

Começava ali, pra valer, após brotar em Liverpool, a beatlemania. John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr, mais conhecidos juntos como The Beatles, conquistariam a América com um rock de canções um tanto ingênuas num cenário mundial de guerra fria.

Aquela travessia que mudaria a história do rock ‘n' roll e estabeleceria um novo comportamento aos jovens do planeta, acaba de ganhar um magistral documentário (longa metragem), com selo de oficial, dirigido por um dos cineastas de maior categoria na historiografia cinematográfica.

Ron Howard, o diretor de Apollo 13, Uma Mente Brilhante e dos dois filmes saídos dos livros de Dan Brown, O Código Da Vinci e Anjos e Demônios, está à frente de "The Beatles: Eight Days a Week - The Touring Yeares", contando a aventura dos Fab Four desde as primeiras incursões na Alemanha até a explosão no planeta.

Durante oito anos, os Beatles tocaram em 15 países e 90 cidades diferentes ao redor da Terra. Nas mais de 100 horas de gravações inéditas - algumas pertencentes às coleções privadas dos quatro músicos - Howard reconstrói o caminho da banda de maior sucesso na história da música pop. Os testemunhos de Paul e Ringo, e de artistas que viveram aquele tempo mágico, como Elvis Costello, Larry Kane e Whoopi Goldberg, nos ajudam a penetrar na mente dos compositores de tantos clássicos que até hoje nos encantam.

O documentário tem estreia nesta sexta-feira, 16 de setembro, em várias partes do mundo, com destaque para os EUA, Inglaterra, França, Japão, Alemanha, Espanha e Argentina. Durante o mês de agosto, o filme foi bastante divulgado no evento The Beatle Week, em Liverpool, e nas diversas versões espalhadas por várias cidades do mundo.





16/09/2016
A presidente desimpedida

O número do celular da presidente do STF, ministra Carmem Lúcia, já está devidamente registrado nas listas de contatos dos governadores do País. Foi ela mesma quem deu e ainda fez gracinha ao permitir que ligassem quando quisessem.

Disse que quando foi procuradora do governo Itamar Franco, aprendeu que os políticos ficam cheios de pruridos para telefonar para mulheres casadas depois de determinados horários, principalmente na faixa noturna.

Aí, concluiu: "Mas eu sou solteira, portanto, podem ligar depois das 22 horas e na hora que vocês quiserem".





16/09/2016
Calamidade generalizada

Desde que se iniciaram as reuniões de governadores com o novo governo Temer, visando solucionar a questão das dívidas dos estados, que a perspectiva de decretação de calamidade pública decidida em bloco é uma realidade, e tem entre seus defensores o governador do RN, Robinson Faria, de quem partiu a primeira ação coletiva de cobrança de solução ao governo federal no que se chamou "Carta de Natal".

Através de um grupo de WhatsApp, os governadores do Nordeste vêm se articulando quase diariamente sobre o assunto e estão em contato direto com seus colegas do Norte e do Centro-Oeste. A situação é crítica em todo lugar e o decreto de calamidade já foi baixado no Rio de Janeiro, Roraima, Acre e Tocantins, devendo ser imitado por Bahia, Piauí, Sergipe e Rio Grande do Sul.

A depender dos governadores do Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte, a decretação de calamidade deverá ser feita nas três regiões onde a situação é mais desesperadora. Era esperado para a segunda-feira passada o decreto de calamidade de 17 estados. O governo Michel Temer segue impassível diante da crise generalizada.





15/09/2016
Hermano destaca valorização dos deficientes

A abertura da Semana da Pessoa com Deficiência e a realização do seminário em comemoração aos 35 anos de atuação do SUVAG (Sistema Universal Verbotonal de Audição Guberina), uma instituição filantrópica que trabalha há 35 anos na promoção da saúde auditiva e assistência social no Rio Grande do Norte foram registradas na sessão desta quinta-feira (15) pelo deputado Hermano Morais (PMDB).

Um evento no dia 19 próximo, segunda-feira, na Assembleia Legislativa, está previsto para marcar a abertura da Semana. A proposta é do deputado Hermano Morais. "É extremamente importante deixar registrado e chamar a sociedade para participar. Ao longo de toda a semana e em todo o Brasil, acontecerão eventos semelhantes com o objetivo principal da inclusão", disse.

O deputado também destacou o seminário em comemoração aos 35 anos de atuação do SUVAG, uma instituição filantrópica que trabalha há 35 anos na promoção da saúde auditiva e assistência social no Rio Grande do Norte, visando a prevenção, diagnóstico de surdez, reabilitação da audição e da fala de pessoas com deficiência auditiva e favorecendo a inclusão das mesmas na sociedade. O seminário será realizado em Natal nesta quinta (15) e sexta-feira (16), na Escola de Governo do Estado (Centro Administrativo, Natal).





Veja o video:



Veja o video:



13/09/2016
Brasil da piada pronta

A posse da nova presidente do Supremo, Carmem Lúcia, foi marcada por discursos de combate à corrupção, como alardeou hoje a imprensa tupiniquim.

Nada mais surreal do que uma cerimônia pomposa da alta câmara do Poder Judiciário tendo entre seus convidados a nata dos corruptos do País, como Lula, Renan, Sarney e assemelhados. 





13/09/2016
As pesquisas estimulantes

Em toda eleição a cantilena é a mesma.
A mídia supervaloriza as aferições estimuladas das pesquisas e os marqueteiros dos candidatos manufaturam as táticas de linguagem para arrancar os devidos dados positivos para seus clientes.
Derna do tempo dos jornais (para a maioria que vive nas redes sociais, jornal era uma série de papeis encadernados sem grampo com notícias impressas em máquinas rotativas), que eu digo que a pesquisa estimulada esconde a realidade das ruas e o desânimo do eleitor.
Da forma que é abordada por parte da imprensa e pelos comunicólogos de plantão, a estimulada bem poderia ser chamada de estimulante, pois é para isso que ela serve no processo de supervalorização dos seus resultados.
Na verdade, o que melhor evindencia a realidade é a pesquisa espontânea, quando os nomes dos candidatos não são citados para a opção do eleitor pesquisado. E é aí que a rejeição a todos se agiganta, que vemos de fato como não há campeão de votos nem favorito galgado à condição de imbatível.
Em Natal, por exemplo, qualquer pesquisa espontânea que não revelar um índice acima dos 60% de eleitores ignorando a eleição para prefeito, está longe de uma precisão científica. É só estímulo ao empirismo das análises jornalísticas.





13/09/2016
Servidores da AL doam sangue

O desejo de ajudar pessoas e salvar vidas. Esta foi a principal motivação dos servidores da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que participaram da ação coletiva de doação de sangue nesta terça-feira (13). A coleta está acontecendo das 8h às 15h, na unidade móvel do Hemonorte, que está em frente à sede do Poder Legislativo.

"Eu já sou doador regular e faço isso porque me sinto gratificado em ajudar pessoas que necessitam", afirma Edilson Fernandes Dutra, que trabalha no Comitê de Imprensa da Casa e que não hesitou em participar. Ele conta que recentemente participou de uma campanha de coleta de sangue para uma paciente do interior em estado grave de saúde, que ficou restabelecida e que sempre colabora com o Hemonorte.

A enfermeira Leila Florêncio, do setor de Saúde da Casa, havia acabado de fazer sua doação e afirmou que a comodidade pelo fato da unidade móvel estar próxima a motivou a fazer sua primeira doação. "Quero ser uma doadora regular e aproveito para avisar aos colegas que não dói nada", disse. Leila tem o tipo AB negativo, um dos que estãoem baixa no estoque.

A técnica de enfermagem Eva Moreira, servidora do Hemonorte, integra uma equipe de oito servidores que estão trabalhando na coleta e reforçou a necessidade dos tipos de sangue com fatores negativos (O e AB). A iniciativa partiu do setor de Saúde da Casa, que se sensibilizou com os números do Hemonorte, pois os tipos com fatores negativos (O e AB negativo) estão em situação crítica, comprometendo o fornecimento de sangue e hemocomponentes para a rede hospitalar.





1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97